Linhas soltas…

Entre mim e os meus livros… há uns anos atrás.

Soam as primeiras notas que me afundam da paz de um livro sob a luz dançante de uma vela.

Quero mergulhar, fugir da realidade, entregar-me às letras que tanto busco para esquecer o beijo que não roubei… Afundo-me em pensamentos ténues, num momento só meu em que secretamente penso na atração que me trás insónias… no pecado que nem ao silêncio confesso e que deixo viver em minha mente, desejando muito provar esses lábios que me aquecem a alma… E sem nunca parar de sentir a música deixo ficar, deixo-me absorver pelas palavras por dizer…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Google

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Facebook

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Conectando a %s