Ensinamentos do Monge #4

A arte de fazer apenas uma coisa de cada vez… Parece simples, mas se pensarmos um pouco quantas vezes a pomos em prática? Quantos momentos de multitasking temos ao longo do dia?

“Para começar uma coisa, tem que terminar outra. Não pode focar-se nas duas, escolha apenas uma.

Por exemplo se me pedir para fazer duas coisas eu vou perguntar qual é mais importante e será essa que vou fazer primeiro, só depois faço a segunda, a isso se chama motivação.

Aprenda a concentrar-se, não desfoque o que vai fazer, nem por um minuto, você tem que tomar consciência do que se faz. Por exemplo já pensou no que há por detrás do copo de água que você está a beber?

Alguém colocou a água no jarro, de onde veio a água? E o copo? Quem fez o copo? Já viu quanta gente está por detrás da água que está a beber, e no entanto para si é um gesto simples, por isso para a próxima saboreie a água pensando no trabalho que houve, aprecie a água, foque-se nela e não apenas no gesto que tem ao beber água. Uma coisa de cada vez, se não você perde o foco.”

Curiosamente alguém chamou e o rumo da conversa mudou, mas a lição já tinha passado: que havia um foco, uma intenção, uma motivação em ensinar-me a parar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s