Em Parte Incerta, Gillian Flynn

Em Parte Incerta foi o primeiro livro que terminei desde que estou em casa. Sim, demorei 15 dias a terminá-lo, mas porque o início não me cativou.

Confesso que lhe peguei uma ou duas vezes antes de me apaixonar completamente. Ao início a capa interessou-me, tinha acabado de ler um livro sobre as culturas de funerais por todo o mundo – agora que penso nunca um livro fez tão sentido numa altura como esta, mas esse fica para depois –  e antes disso o livro da Maria das Dores… Ele Mesmo referia várias vezes que devia começar a ter medo de mim, andava muito fúnebre.

Continuar a ler

Calvin Esparguete – Diário de um Gato Citadino

Como já referi sou uma amante de livros, desde muito nova que leio tudo quanto apanho, com os tempos comecei a perceber que as histórias autobiográficas são as minhas preferidas, de preferências grandes reportagens sobre casos de investigação de corrupção e outras temáticas menos bonitas… Mas há dois dias ‘esbarrei’ com o Calvin, primeiro na TVI, depois no Público e finalmente na página dele!

Continuar a ler